Nossa excursão ao Lago di Braies

Nossa excursão ao Lago di Braies

15 de outubro de 2018 0 Por metacidadania

Ciao a tutti!

Hoje vou contar a vocês como foi a nossa primeira excursão aqui na Itália.

Tudo começou quando um amigo do Edu indicou a Enjoy, uma empresa de turismo com sede em Milão, e uma  excursão que eles fariam dia 14 de Outubro para o Lago de Braies, na região do Alto-Adige – Treviso. Quando começamos a ver as imagens do lago, decidimos que esse seria nosso passeio no final de semana. Aí começou o planejamento da viagem. Procura de horários de trens para Milão e o mais importante: os horários de volta, pois retornaríamos no domingo, às 22h00. Vimos que dava certo os horários dos  trens e então fizemos o pagamento on-line.

Sendo assim, no sábado pegamos o trem aqui em Como às 20h15 em direção à estação Milano Centrale, pois era a estação mais próxima da Piazza Argentina, local de partida do ônibus. Jantamos uma pizza e depois ficamos no Bar Gatto, que fica bem em frente ao ponto de encontro. Às 0:45h de domingo, o ônibus chegou. Nos acomodamos e nos preparamos para a viagem de seis horas que teríamos pela frente. Tudo tranqüilo. Fizemos uma ótima viagem, e chegamos no Lago às 7:10h. A empresa nos forneceu um café da manhã simples com um salgado, um bolinho e um suco. Fizemos a refeição dentro do ônibus pois estava um pouco frio lá fora, -2 graus…kkkkk. Estávamos à 1.500 metros de altitude.

Devido a essa baixa temperatura, esperamos a cafeteria local abrir para tomar um chocolate quente antes de iniciar o nosso passeio pelo lago. Feito isso, fomos até o Lago e começamos a descobrir porque ele é tão lindo e famoso. Ele é feito pelas águas do degelo e das nascentes das Dolomitas. Sua cor esmeralda, quando os raios de sol atingem sua água, é o ponto alto. Aliás, o nascer do sol foi fantástico.

A caminhada de 3,5km em volta do lago não é cansativa, pois a cada passo o local apresenta uma paisagem diferente. Tiramos fotos de todos os lados, lugares, ângulos…kkkk; cada vez que o sol começava a bater nas águas, as fotos ficavam ainda melhores. O ápice foi perto do meio dia, quando o sol já estava alto e o lago se tornou todo esmeralda.

Acabamos a volta ao lago e fomos almoçar no Restaurante do Hotel Pragser Wildsee. Atendimento ótimo, comida gostosa. Ao lado do hotel tem também uma lojinha de souvenirs do Lago. Para quem vier para a Itália, não deixe de visitar. Para quem mora aqui, é uma obrigação conhecer essa região, que possui uma natureza exuberante e é um Parque de proteção ambiental.

A volta foi super tranqüila: saímos no horário planejado, chegamos no horário marcado. Pegamos o metro na Piazza Argentina e fomos até a stazione Porta Garibaldi, onde pegamos o trem até Como. Terminamos a aventura esgotados, mas com o sentimento de que valeu muito a pena todo o nosso esforço. Sobre o pessoal da Enjoy: recomendamos! Foram muito simpáticos e atenciosos. Cumpriram tudo o que prometeram. Ah, um de seus guias, o Álvaro, fala português, o que facilita muito para nós brasileiros.

Até a próxima e arrivederci!

Escrito por

Ciao! Me chamo Inara e vivo na Itália, cidade de Como, região da Lombardia. Fiz o curso de Busca de Documentos do Fábio Barbiero (Minha Saga) e estou aqui para ajudar você a realizar o seu sonho da cidadania italiana. Conte com meu empenho, dedicação e juntos vamos alcançar essa meta!